Release details

2018-02-28 09:00 CET
  • Print
  • Share Share
pt es

Relatório anual da Artprice sobre o Mercado global de arte em 2017: uma alternativa genuína aos mercados financeiros, com a China em primeiro lugar

Nosso 20º Relatório Anual sobre o Mercado Global de Arte é, mais uma vez, fruto de uma aliança entre a Artprice, líder mundial em informações sobre o Mercado de arte, fundada e dirigida por Thierry Ehrmann, e a Artron, seu poderoso parceiro institucional chinês, dirigido por Wan Jie. O resultado é o único e verdadeiro relatório sobre o mercado global de arte, que oferece informações confiáveis sobre os mercados de arte ocidental e oriental.

Ao juntar seus recursos para analisar o Mercado global de arte com detalhes nunca vistos, nossas duas estruturas destacam a intensa competição que impulsiona o crescimento global do mercado, bem como sua lógica e suas consequências. Nenhuma outra organização ou equipe é capaz atualmente de um processamento e interpretação de metadados micro e macroeconômicos com uma qualidade tão alta em um ambiente de Big Data.

O Relatório de 18 capítulos contém o agora famoso ranking dos 500 principais artistas da Artprice por faturamento em leilões, os 100 principais resultados de leilões do mercado, nosso mais novo índice Artprice100® - essencial para salas de negociação -, uma seleção de índices de mercado da Artprice e várias análises por país, hub de mercado, período criativo e meio artístico.

Faça o download gratuito em Artprice.com

https://www.Artprice.com/Artprice-reports/the-art-market-in-2017

https://zh.Artprice.org/Artprice-reports/zh-the-art-market-in-2017

Com um crescimento muito forte em 2017, o Mercado de arte entrou em uma nova era

O faturamento de leilões de obras de arte atingiu US$ 14,9 bilhões em todo o ano de 2017

O faturamento global aumentou 20% em relação ao ano anterior

O crescimento calculado no S1 (+9%) tornou-se um forte crescimento no S2 (+32%)

Em todo o mundo, 502.900 obras de arte foram vendidas publicamente em 2017 (+3%)

A taxa média de itens não vendidos foi de 34% (contra 36% em 2016)

O índice global de preços de obras de arte da Artprice encerrou o ano em estabilidade em relação a 2016

O recorde de todos os tempos mais recente de um leilão de obras de arte, de US$ 450 milhões, para a obra Salvator Mundi, de Leonardo da Vinci, representa o início de uma nova era para o Mercado de arte, cujo próximo marco será o limite de US$ 1 bilhão. Enquanto isso, estamos prestes a ver resultados entre US$ 179 milhões e US$ 450 milhões em 2018.

A China continua sendo o principal mercado do mundo, com US$ 5,1 bilhões em faturamento: 34,2% do total mundial

Os Estados Unidos vêm em segundo lugar com US$ 4,9 bilhões

Todos os 5 principais mercados mundias tiveram crescimento no faturamento:

China +7%, EUA +42%, Reino Unido +18%, França +35%, Alemanha +12%

A França (em 4º lugar) foi responsável por 5,3% do faturamento global, com US$ 784 milhões, à frente dos US$ 256 milhões da Alemanha, mas ainda bem distante dos três principais mercados. O faturamento francês foi de +35%, mas esse crescimento foi essencialmente gerado pelas firmas de leilão anglo-saxônicas Christie's e Sotheby's.

A Christie's é a maior casa de leilões do mundo, com um total de US$ 4,4 bilhões, à frente da Sotheby's, com 3,4 bilhões

Na China, a Poly Auction (US$ 1 bilhão) supera a China Guardian (US$ 815 milhões)

Tendências

O índice global dos 500 artistas principais da Artprice de 2017 contém 231 artistas europeus, 162 asiáticos e 82 americanos

Entre os10 primeiros, 4 são chineses, 3 europeus e 3 americanos

O ano de 2017 presenciou recordes de leilões para muitas das figuras mais importantes da História da Arte

Desempenhos financeiros

Vendas repetidas** geram um retorno anual médio entre 5,5% e + 8,3%

No longo prazo, obras adquiridas no valor de US$ 200.000 a US$ 1 milhão geram o melhor retorno anual: 8,3%

** A mesma obra adquirida e revendida no leilão durante 2017

 Artprice100© "Os Lobos de Wall Street às portas do Mercado de arte"

O Artprice100® mostra um progresso de +360% desde 2000, com um retorno anual médio de 8,9%

Revisado anualmente, o novo índice substituiu 4 artistas em 2017

Ele continha 1 artista chinês (Zhang Daqian) em 2000, contra 18 em 2017

Os impulsionadores desse crescimento foram o fácil acesso às informações do Mercado de arte, vendas eletrônicas (98% dos participantes do mercado estão conectados à Internet), o caráter financeiro do mercado, uma população crescente de consumidores de arte cada vez mais jovem (de 500.000 nos anos 1950 a 90 milhões em 2017) e a extensão do mercado para todos os continentes.

O crescimento do setor de museus também está desempenhando um papel crucial. Com mais de 700 novos museus abrindo todos os anos, o setor de museus tornou-se uma realidade econômica global no século XXI. Mais museus foram abertos entre 2000 e 2014 do que nos dois séculos anteriores, e a demanda por obras de qualidade de museu é um dos fatores principais para o crescimento espetacular do Mercado de arte. O Mercado de arte agora está maduro e com liquidez, oferecendo retornos de 8% ao ano sobre obras adquiridas por mais de US$ 200.000.

Em 2017, a intensa concorrência entre a China e os EUA gerou um crescimento explosivo no Ocidente, mas confirmou o papel da China como principal mercado global para as artes, apesar do crescimento dos EUA de 42%. A dominação da China foi estabelecida com apenas US$ 0,2 bilhão sobre os EUA. As artes claramente representam um elemento essencial nos arsenais de Soft Power dos Estados Unidos e da China, e, em uma menor escala, do Qatar e dos EAU.

A supremacia chinesa é também mais uma vez visível em nosso ranking dos 500 principais artistas por faturamento anual de leilões. Os artistas chineses representam 32,4% do número total, em comparação a apenas 16,4% de artistas estadunidenses.

Em um contexto em que os bancos centrais estão definitivamente implementando taxas de juros negativas, o Mercado de arte tem desfrutado de uma saúde atrevida. O novo índice Artprice100®, que abrange os 100 principais artistas em três grandes segmentos: Mestres Antigos, Modernos e Contemporâneos, de todo o mundo, mostra uma evolução de 360% desde 2000. No entanto, esse nível de retorno não se restringe a obras de artistas renomados. Nossa análise mostra que o rendimento médio anual sobre obras de arte adquiridas acima da linha dos US$ 20.000 gira em torno de 5,5%.

A Internet agora se tornou o fórum principal e definitivo para operadores de leilões de todo o mundo, que a utilizam para consolidar suas participações de mercado em todos os continentes. Das 6.300 casas de leilão de todo o mundo, 98% hoje estão presentes na Internet (contra apenas 3% em 2005).

O Mercado de arte é eficiente, histórico e global, cuja habilidade de resistir a crises econômicas e geopolíticas agora está além de qualquer dúvida. Nos últimos 18 anos, esse mercado teve um desempenho superior em relação à maioria dos principais mercados financeiros por uma margem considerável.

Copyright 1987-2018 Thierry Ehrmann

Sobre a Artprice:

A Artprice está listada na Eurolist pela Euronext Paris, SRD long only e Euroclear: 7478 - Bloomberg: PRC - Reuters: ARTF.

A Artprice comemora seu 20º aniversário

Descubra a Artprice em vídeo: https://www.Artprice.com/video

A Artprice é líder mundial em bancos de dados de preços de arte e índices de arte. Ela tem mais de 30 milhões de índices e resultados de leilões, abrangendo mais de 700.000 artistas. A Artprice Images(R) dá acesso ilimitado ao maior recurso do mercado de arte do mundo: uma biblioteca de 126 milhões de imagens ou cópias de obras de arte desde o ano 1700 até os dias atuais, juntamente com comentários de historiadores da arte da Artprice.

A Artprice enriquece permanentemente seus bancos de dados com informações de 6.300 leiloeiros e publica um fluxo constante de tendências do mercado de arte para as principais agências de notícias do mundo e cerca de 7.200 publicações da imprensa internacional. Para os seus 4.500.000 membros, a Artprice dá acesso ao maior mercado normalizado do mundo para compra e venda de arte. A Artprice está preparando sua blockchain para o Mercado de arte.

Descubra a Alquimia e o universo da Artprice em http://web.Artprice.com/video, cuja sede é o famoso Museu de Arte Contemporânea, o Morada do Caos http://goo.gl/zJssd

https://vimeo.com/124643720

https://www.facebook.com/la.demeure.du.chaos.theabodeofchaos999

Comunicados de imprensa da Artprice: http://serveur.serveur.com/Press_Release/pressreleaseen.htm

http://twitter.com/artmarketdotcom e http://twitter.com/Artpricedotcom

https://www.facebook.com/Artpricedotcom

https://plus.google.com/+Artpricedotcom/posts

http://artmarketinsight.wordpress.com/

Contato: ir@Artprice.com

HUG#2172072